Ministério da Integração cobra prestação de contas de R$ 204 mil da prefeitura de Jardim

8

Valor foi repassado em 2016 para perfuração de poços (Foto: Reprodução)
Um convênio da prefeitura de Jardim com o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) feito na gestão passada deverá onerar a administração de Aniziário Jorge Costa (PC do B) em pelo menos R$ 204 mil.

Este valor foi repassado pelo órgão, que é ligado ao Ministério da Integração Nacional ainda em 2016, e foi a primeira parcela de uma verba de R$ 510 mil liberada para perfuração de poços, obra que levaria água encanada para comunidades serranas do município.

Uma denúncia feia no plenário da Câmara pero vereador Pequim (PR) no dia 4 de maio, sexta, mostra um ofício do DNOCS ainda de 2017 pedindo a prestação de contas da obra, que, de acordo com o parlamentar, nunca saiu do papel.

No documento, o órgão federal lista oito itens que devem ser esclarecidos como prestação de contas da verba liberada prefeitura. A segunda parcela do montante, no entanto, só seria liberada caso os esclarecimentos fossem prestados.

De acordo com a prefeitura de Jardim, na atual gestão, ofícios estão sendo elaborados para que a administração anterior seja responsabilizada pelo destino da verba do DNOCS.

Por Felipe Azevedo/ Agência Miséria
Miséria.com.br

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA