Micro-ônibus capota na BR-101 e deixa um morto e feridos no Grande Recife

48


Micro-ônibus tombou na BR-101, próximo a fábrica da Vitarella, em Jaboatão, no Grande Recife, na noite de quarta-feira (16) (Foto: PRF/Divulgação)

Uma mulher morreu e outras seis pessoas ficaram feridas após o motorista de um micro-ônibus perder o controle do veículo e capotar na rodovia BR-101 Sul. O acidente aconteceu em Jaboatão dos Guararapes, no sentido Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife, na noite de quarta-feira (16).

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), chovia no momento do acidente, que ocorreu por volta das 22h30, na altura da fábrica da Vitarella, no bairro de Prazeres. O veículo tinha saído de uma faculdade particular do Recife e seguia com 15 estudantes para o Cabo de Santo Agostinho.

Testemunhas informaram à PRF que a roda de traseira travou e o veículo acabou derrapando, capotando em seguida na rodovia. Testemunhas também afirmaram que o micro-ônibus estava em alta velocidade, o que pode ter favorecido o acidente.

A vítima fatal foi Juliana Maria da Silva, 19 anos, estudante de nutrição. A família esteve no local do acidente e reconheceu o corpo. A maior parte das outras vítimas, entre passageiros e o motorista, teve ferimentos leves.

O Corpo de Bombeiros socorreu três pessoas. Entre elas, uma mulher de 19 anos que machucou o braço e tinha sinais de um trauma cranioencefálico, que foi levada para o Hospital da Restauração, na área central do Recife.

Uma segunda mulher, de 25 anos, foi levada para o Hospital Dom Helder Câmara, no Cabo, com queixas de dor na perna, enquanto outra de 24 anos foi socorrida para a mesma unidade de saúde com fratura exposta no pé direito, fratura no fêmur direito e escoriações em todos os membros, segundo os bombeiros.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Jaboatão socorreu os outros três feridos, também para o Hospital Dom Helder Câmara.

De acordo com o Hospital Dom Helder Câmara, apenas um dos pacientes continua internado. Trata-se da mulher com a fratura exposta no pé, que ainda passa por tratamento. O restante foi liberado durante a madrugada.

O motorista realizou o teste do bafômetro e o resultado apontou que ele não havia ingerido bebida alcoólica. O nome das vítimas e do condutor do veículo não foram divulgados.

Fonte: G1 PE

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA