Cariri tem maior geração de emprego entre janeiro e março desde 2015

11


Dados do Caged demonstram progressão no número de vagas desde 2015 (Foto: Felipe Azevedo)

De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), a região do Cariri cearense, teve o melhor índice de geração de emprego entre janeiro e março desde 2015.

Foram 218 vagas de trabalho criadas neste período em 2018, frente ao saldo de apenas cinco no ano passado; -736 em 2016 e -759 em 2015.

Os dados englobam oito setores, são eles: Indústria; Comércio; Construção Civil; Extrativa Mineral; Indústria de Transformação; Serviço Industrial de Utilidade Pública; Serviços; Administração Pública; Agropecuária, Extração Vegetal, Caça e Pesca e Outros.

Se contabilizados os números do ano inteiro, também é observada boa progressão nos índices gerais no Cariri. Em 2017, por exemplo, a região fechou o ano com indicativo negativo de – 1.214 postos de trabalho fechados. Em 2016 este índice foi de – 1.697, enquanto em 2015 atingiu – 2.059.

O melhor período no tocante a geração de empregos em toda região nos últimos seis anos, quando foram criadas e preenchidas 4.822 vagas no mercado formal, em 2012.

CIDADES

Enquanto o IBGE divulga que os números de pessoas desempregadas no Brasil atinge os 14, 2 milhões nesta segunda (30), cidades como Juazeiro do Norte, por exemplo, uma das mais importantes na concentração de indústrias no interior do Nordeste, apresenta progressão em vagas abertas nos últimos anos.

Entre janeiro e março de 2018, Juazeiro gerou 218 novos empregos em diversos setores. O mesmo período em 2017 obteve um saldo negativo de 530 pessoas que perderam o emprego. Um ano antes, em 2016, este número havia atingido 180 postos de trabalhos fechados.

Em Crato há uma variação parecida na oferta de trabalho. Entre janeiro e março deste ano o Caged aponta 10 vagas a menos no mercado de trabalho. Este número no mesmo período de 2017 se estabiliza em uma vaga criada, enquanto que em 2016 registrou balanço negativo de 459 postos a menos na praça.

As cidades do Cariri que fazem parte da contabilização do Caged são: Juazeiro do Norte; Crato; Barbalha; Jardim; Missão Velha; Porteiras; Nova Olinda e Santana do Cariri. Outros municípios como Caririaçu, Barro, Brejo Santo, Lavras da Mangabeira e Várzea Alegre são contados separadamente pelo órgão.

Por Felipe Azevedo
Miséria.com.br

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA